Rss Feed
  1. Primeiro Sol

    17/02/2011

    XL Desafio
    Tema:
    Segundo Sol

    Por Lyani

    Não saberia dizer há quanto tempo estava ali sentado. Olhou para o relógio de pulso e sorriu. 12:51. Agora só faltavam 9 minutos. Pegou seu Iphone, todo um ano de economia cabia na sua mão naquele momento, e deu check in no foursquare. O endereço exato de onde estava apareceu nas suas redes sociais. Estava em frente a Biblioteca Municipal, esperando os minutos passarem e o sol aparecer. Era um dia nublado e cinza de inverno. Abriu a página da internet pra ler as notícias e sorriu com uma delas que dizia que alguns astrônomos previam que a estrela Betelgeuse logo iria se tornar uma supernova e, em 2012, brilharia em nosso céu como um segundo Sol. Nada podia ser mais propício àquele momento. Twitou sua espera, blogou as esperanças e blipou Yellow do Coldplay para acalentar sua ansiedade. Os acordes da música o fizeram fechar os olhos por um minuto e já podia até sentir os raios de sol aquecendo-lhe a pele. O celular, que até fazia ligações, vibrou em sua mão e olhou pra tela pra verificar o que era embora já soubesse que era o alarme avisando: "Here Comes de Sun". Não precisava mais olhar o relógio, sua espera demorou apenas mais um segundo e lá estava: o Sol. Tirou os fones do ouvido pra contemplar a mudança no ambiente. A rua iluminou-se, o tom das árvores mudou, os pássaros cantavam alegres e até as pessoas encapuzadas, para afugentar o frio, pareciam mais animadas. Podia quase jurar que tinha visto até um sorriso. Quase, porque não podia fingir que na verdade não estava notando nada ao seu redor além dela. Sim, os fios dourados sob a touca de lã esvoaçavam com o vento frio do inverno, os olhos cor-de-mel iluminados por um brilho diferente de qualquer outra estrela do universo, mais intenso que qualquer supernova. As mãos pequenas, cobertas por luvas, seguravam um livro de encontro ao peito e o leve sorriso que curvava seus lábios rosados pra cima sempre davam a impressão de que ela andava lembrando de coisas boas e bonitas. Ela passou por ele sem sequer notar-lhe a presença, mas ele não se importou. Vê-la era o suficiente. No Iphone, a notícia dizia que aquele era um dos mais severos dias de inverno e que o Sol não apareceria tão cedo. O segundo, é claro. Porque seu primeiro Sol sempre seria ela.

  2. 7 comentários:

    1. Medéia disse...

      Romântico e musical...
      A sua cara, Ly.
      Adorei!

    2. Anônimo disse...

      Lindas e delicadas palavras..
      Amo vc!!

    3. Vivi disse...

      Ah, em uma única palavra? Lindo! A descrição da moça pareceu-me uma pintura. E a saída romântica foi surpreendente.

      Demais!

      Beijocas

    4. Cris disse...

      Ly,

      Afffffff!!! Estou sem palavras!
      Lindo, doce e romântico...

      Parabéns!

    5. Monique disse...

      Realmente bem delicado e lindo, adorei.

    6. disse...

      Ly,

      Amei a descrição da cena. Parecia ver um filme. Lindo e tocante.
      Parabéns!