Rss Feed
  1. Casório

    16/05/2011

    Ela tinha uma mania que era só sua

    A de jogar coisas para o alto

    E ao cair, algo bom sempre acontecia

    Um belo dia resolveu jogar a dieta para o ar

    E caiu um bolo de noiva

    Então, era esse o sinal!

    Resolveu casar com o professor de ginástica da academia

    No dia dos namorados

    Realizara seu grande sonho: comer o bolo do seu próprio casamento

    Um enorme pedaço sem remorsos e nem culpa

    Chorou apaixonadamente de tanta emoção

    Não satisfeita, permitira-se matar a fome com um belo bem-casado

    Jogou para o ar o buquê de folhas de alface com agrião

    E do céu de brigadeiro caíram doces em forma de estrelas.

    Casada e feliz

    Já não sentia fome de amor

    Adeus dieta da solidão: pipoca e sorvete diante da TV

    As coisas saborosas da vida eram para ser degustadas a dois

    Chegou a conclusão que malhar não era tão ruim assim: aguçava seus instintos palatais

    Lembrava-se dessa constatação, enquanto mordia com volúpia o pedaço do bolo de ontem

    Gordura para ser degustada lentamente, com prazer

    Ao lado do amado, bebendo o mel que jorrava da lua

    A ponto de fechar os olhos e agradecer

    Por encontrar o amor que sonhara

    E os quilos perdidos também


  2. 4 comentários:

    1. Medéia disse...

      A-D-O-R-E-I
      Muito bom mesmo, Rê!
      Acabar com a fome, trocar a salada por amor, é tudo de bom!

      Beijos

    2. Rê,

      acredito que ela se realizou.

      casando e ainda aproveitando as delicias da festa.

      Adorei.

    3. Vivi disse...

      Uma bela solução textual e criativa. Ótimo, garotinha!

      Beijocas

    4. Lyani disse...

      Adorei a criatividade Rê!
      Parabéns!
      Bjos