Rss Feed
  1. Quereres

    13/04/2009

    Sentada no chão frio
    Da sala de estar
    Ela pensa no amado
    Bem
    Me
    Quer
    As pétalas caem
    E mais outra
    E outra mais
    Mal
    Me
    Quer
    Sorte
    Pura
    Sorte, a final!
    Bem ou mal, ele me quer!
    Que importa, então?
    As pétalas continuam caindo
    Uma a uma
    Bem, mal me quer?
    Bem mal, me quer
    Pensa indignada.
    Brinca com as palavras
    Dúvida cruel
    Acabam-se as rosas
    No chão, centenas de pétalas
    Do que fora um belo buquê
    Que recebera logo pela manhã
    Após a briga, a prova
    Da reconciliação, aos seus pés
    Olhou para o chão
    Coberto de vermelho
    Logo ele teria de enviar - lhe mais flores
    Outro belo buquê
    Inicia-se o jogo
    Do bem mal querer.

    Por Rê Lima

  2. 7 comentários:

    1. Elisandra disse...

      Não gosto muito de brigas....mas seu poema ficou bem realista adorei....beijokas Elis!!!!!!!!

    2. Cris Costa disse...

      Rê,
      que personagem mais perversa...destruir o belo buquê numa brincadeira, já pensando em receber outro. ;-)
      Aliás, você e a Medéia lembraram do bem me quer, mal me quer.

      Parabéns!

      Bjs

    3. Vivi disse...

      Rê, joguinhos de amor cabem no tema e, como mencionou a Elis, a poesia tornou-se um retrato fidedigno de certas relações. A brincadeira com as palavras, a contraposição do bem e mal querer a la escravos de Jó se ajustaram bem ao tema. E o final aludindo à uma espécie de círculo virtuoso ou vicioso foi uma boa escolha.

    4. o bem me quer mal me quer imperou nessa rodada hein? eheheh

    5. Medéia disse...

      Adorei...
      e o lance do
      bem
      me
      quer
      com cada palavra numa linha, como as pétalas caindo...
      Show!!!!
      Muito eloqüente e eu adoro poemas.
      Parabéns!

    6. Maria disse...

      Não faz muito meu estilo (os poemas) mas tenho que admitir que neste desafio todos os poemas ficaram fantásticos.
      Até porque eles tem tudo a ver com flores.
      Visualizei com clareza o buquê e as pétalas caindo.
      Muito belo!

    7. lyani disse...

      Adorei o jogo de palavras :)
      bjos